Tia Surica da Portela no Dia Nacional do Samba


Para celebrar o Dia Nacional do Samba, no próximo 8 de dezembro (domingo), a Imperadores do Samba promove a sua tradicional feijoada com a presença de Tia Surica, matriarca da Portela. A festa, prevista para começar ao meio-dia na quadra da escola, contará também com as participações do cantor Gusttavo Martins e do grupo Samba Lelê, além da bateria, passistas e demais destaques da escola.

No repertório de Surica, clássicos como “Na linha do mar” (Paulinho da Viola), “Lama” (Mauro Duarte), “Conto de Areia” (Romildo/Toninho Nascimento), “O mar serenou” (Candeia), além de antológicos sambas de enredo da azul e branca de Oswaldo Cruz, entre esses “Macunaíma, herói de nossa gente”.

Aos 79 anos, a pastora portelense é convidada da Fundação Iberê Camargo para a festa que antecede ao desfile da Imperadores, no dia 7 de março de 2020, que terá como enredo “Iberê, das águas da arte, o homem que se fez rio”, em homenagem a um dos mais importantes artistas plásticos brasileiros do século 20, falecido em 1994.

Uma das primeiras mulheres a puxar samba na avenida, Iranette Ferreira Barcellos, a Tia Surica, é a história viva do Carnaval carioca e da Portela, escola que abraçou aos quatro anos de idade, ainda no colo da mãe. Em 1966, ficou conhecida pelo pioneirismo ao desfilar interpretando o singular “Memórias de um Sargento de Milícias”, de Paulinho da Viola. Até hoje, mulheres são exceção no posto. Surica, portanto, fez história duplamente, pois que a Portela se consagrara campeã daquele Carnaval.

A veterana sambista já riscou a avenida como baiana e passou por vários segmentos da agremiação. Desde os anos 1980, ela se apresenta com a Velha Guarda Show, grupo criado em 1970 que viaja o Brasil e o mundo divulgando o mais emblemático gênero musical do país. Em 2004, lançou o CD "Surica, o seu primeiro disco solo, e, em 2013, pôs no mercado o álbum e o DVD “Tia Surica, poderio de Oswaldo Cruz”, no qual contou com as participações da Velha Guarda da Portela, de Diogo Nogueira e de Mariene de Castro. O trabalho traz apenas sambas de compositores portelenses como Monarco, Aniceto da Portela, Argemiro, Alcides Malandro Histórico, Chico Santana, Manacéa, Marquinhos Diniz e Toninho Geraes.

SERVIÇO: Feijoada do Dia do Samba dos Imperadores com a presença de Tia Surica Quando: 8 de dezembro | Domingo Local: Quadra da escola (Avenida Padre Cacique, 1567) Horário: A partir das 12h (almoço serviço até 15h) Valores (até 15h): R$ 30,00 individual | R$ 100,00 mesa para 4 pessoas Valor sem almoço (após 15h): R$ 10,00 Atrações: Gusttavo Martins, grupo Samba Lelê e Grupo Show dos Imperadores

A Fundação Iberê tem o patrocínio de IBM, Itaú, CMPC – Celulose Riograndense e Grupo GPS, Tintas Renner e Lojas Renner e apoio de Barra Shopping Sul – Multiplan, DLL Group, Grupo IESA, Rede Plaza São Rafael, Sheraton Hotel, Instituto Federal do Rio Grande do Sul, Tecnopuc, SULGÁS e STIHL, com realização e financiamento da Secretaria Especial da Cultura - Ministério da Cidadania / Governo Federal. Programa Iberê nas Escolas: Secretaria da Educação - Prefeitura de Porto Alegre e Viação Ouro e Prata. Serviços de tradução: Traduzca.

Endereço: Fundação Iberê Camargo - Avenida Padre Cacique, 2000

#Dezembro19

14 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

© Site orgulhosamente criado pela equipe PoaCult para você.

Faça contato conosco, envie e-mail para poacult@poacult.com.br