Temática Indígena no Memorial do RS


    Índios no Rio Grande: uma História de lutas, dificuldades e resistência. Essa é a temática da edição especial do projeto Mês a Mês na História que fica em cartaz no primeiro andar do Memorial do RS entre os dias 09 de abril e 31 de maio.

    A exposição apresenta registros de concessões de terras e outros materiais que revelam a falta de compreensão e a eliminação da cultura indígena. A mostra, elaborada pela equipe do Arquivo Histórico do RS, integra a programação do evento Abril Indígena 2019: conhecimentos e territórios tradicionais. O público está convidado para ler cuidadosamente as fontes primárias da mostra, em que os textos de difícil leitura foram transcritos. A entrada é franca.

    Serão expostos documentos e imagens desde o século XVIII - dos primórdios da ocupação do Rio Grande - até tempos atuais. Entre eles, concessões de sesmarias nos territórios indígenas (1768), incursões de extermínio na fronteira platina (1833) e as catequeses nos aldeamentos, registrando medo e insegurança (1848). Além disso, as visões preconceituosas dos Positivistas no início do século XX. E, para completar o quadro histórico, imagens como a catedral das Missões, reproduções litográficas de Debret e fotografias dos indígenas em tempos atuais, feitas pelo ecologista Roessler.

    Dizem que a História contada é a dos vencedores. Os documentos preservados, em sua maioria, são os que registram a organização da sociedade pela ótica de que sobrepujou outras formas de viver. Mas, a História é indomável e por mais que grupos, pessoas e movimentos tenham sido calados, seus vestígios surgem na própria voz dos dominantes. Assim, aos poucos, foram destacados documentos que deram acesso ao conhecimento do que foram o martírio e a opressão de quem não tinha meios de defender-se frente ao poderio dos canhões e armamentos europeus - Rejane Penna Martins (Historiógrafa AHRS).

    A pesquisa e os textos foram elaborados por parte da equipe do Arquivo Histórico do RS: a historiógrafa Rejane Penna Martins, a arquivista Vivian Eiko Fujisawa e os acadêmicos de História, Carlos Eduardo Pereira e Alain Ricardo Pereira.

    Sobre o Mês a Mês na História:

    Projeto do Arquivo Histórico do Rio Grande do Sul que valoriza e incentiva a leitura de fontes primárias. Com a exposição de documentos originais do acervo, relacionados a contextos e assuntos de interesse da comunidade, é revelado um conhecimento inestimável sobre a História do Rio Grande do Sul e do Brasil. O desconhecimento desse material, mesmo entre o público erudito, torna esse acervo invisível e incapaz de cumprir sua utilidade como vestígios materiais da existência dos homens em vários tempos e lugares.

    Mês a Mês na História – edição especial

    Índios no Rio Grande: uma História de lutas, dificuldades e resistência

    De 09 de abril a 31 de maio.

    Memorial do Rio Grande do Sul – primeiro andar

    Rua Sete de Setembro, 1020

    Praça da Alfândega – Centro Histórico de Porto Alegre

    #Abril19 #Maio19

    57 visualizações

    © Site orgulhosamente criado pela equipe PoaCult para você.

    Faça contato conosco, envie e-mail para poacult@poacult.com.br