Arte contemporânea nas paredes do Espaço Cultural da ESPM


    O Espaço Cultural ESPM-Sul está com a exposição "Detalhe, Desenho", com trabalhos de Amélia Brandelli, Luciano Zanette e Marcos Fioravante – artistas gaúchos, que além do interesse mútuo pelo desenho e suas diferentes possibilidades de construção, cultivam a minúcia tanto em seus exercícios de observação do entorno da vida cotidiana, quanto em seus processos de criação.

    Com a curadoria de Eduardo Veras, a mostra reúne trabalhos inéditos e com realização recente. A exposição fica em cartaz até o dia 5 de agosto.

    Cada um dos artistas utilizam diferentes formatos e suportes, que vão do grafite, pastel seco, carvão, nanquim, até o lápis de cor sobre o papel.

    Zanette apresenta três conjuntos distintos de trabalhos: o primeiro, sobre os conceitos de Melancolia e Finitude; o segundo, uma série sobre veganismo, que aborda a brutalidade humana contra animais não-humanos; e o terceiro, a série sobre questões atuais, de viés político, que revisita adjetivos muito difundidos nas mídias digitais.

    Fioravante trabalha a partir de imagens fotográficas feitas por ele próprio ou coletadas em mídias diversas, que formam uma espécie de "banco de imagens”; sobretudo, seu interesse está voltado a imagens, figuras e objetos que se projetam no espaço – geralmente estruturas feitas para conter algo, ou empilhamentos, coisas que pesam, assim como espaços desabitados.

    Amélia Brandelli trabalha com formas pinçadas da natureza, em busca daquilo que elas oferecem como único, orgânico e mole. “Geralmente me motiva o encontro entre dois ou três tipos de formas”, comenta. A artista parte de fotografias feitas por ela própria no celular, estabelecendo recortes singulares, e prossegue como se houvesse uma dança entre diferentes planos, coreografando movimentos no plano da imagem.

    Sobre os artistas

    Marcos Fioravante é mestre em Poéticas Visuais pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, bacharel em Artes Visuais pela mesma instituição. Tem participado regularmente de exposições, dentre elas a individual Nos contrários, as coisas se revelam (Galeria Gestual, 2015) e as coletivas Paisagem-Cenário (Galeria Sancovsky, 2017), Turvas narrativas (Galeria Orlando Lemos, 2015), Ocupando Lucas 21 (Galeria Gestual, 2015). Vive e trabalha em Porto Alegre, RS.

    Amélia Brandelli é mestre em Artes Visuais pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, bacharel pela mesma instituição. Foi professora de Desenho na ESPM. Exposições coletivas: Obscenidades para donas de casa (Ateliê Subterrânea, 2014), Entre (MAC/RS, 2013), Idades contemporâneas (MAC/RS, 2012). Vive e trabalha em Porto Alegre.

    Luciano Zanette é mestre em Artes Visuais pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, bacharel em Artes pela mesma instituição. Última exposição individual: Diana Vegana (Fundação Ema Klabin, SP, 2016). Entre as coletivas: MAC/MON: Um diálogo, Museu Oscar Niemeyer; Objeto direto, MAC Paraná; Espelho Refletido: O Surrealismo e a Arte Contemporânea Brasileira, Centro Cultural Hélio Oiticica, RJ. Vive e trabalha em São Paulo.

    Espaço Cultural ESPM

    O Espaço Cultural é um ambiente para exposição e fomento da Arte Contemporânea em Porto Alegre, localizado na ESPM-Sul.

    Serviço:

    O Que: Exposição: "Detalhe, Desenho", de Amélia Brandelli, Luciano Zanette e Marcos Fioravante. Visitação: até 05/08. Horário de visitação: de segunda a sábado, das 8h às 22h. Onde: Espaço Cultural ESPM-Sul End.: Guilherme Schell, 268 – Porto Alegre. Quanto: entrada gratuita.


    44 visualizações

    © Site orgulhosamente criado pela equipe PoaCult para você.

    Faça contato conosco, envie e-mail para poacult@poacult.com.br